Domingo, 26 de Setembro de 2021 21:03
98 98141-3481
Cultura TALENTO DA CASA

Itapecuruense fica entre os três melhores tatuadores em evento internacional

Competição aconteceu entre 23 e 30 de julho de 2021 e contou com participantes de vários países

03/08/2021 06h11 Atualizada há 2 meses
Por: Alberto Júnior Fonte: Da Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Aconteceu no mês de julho passado mais uma edição do Cangaço Tattoo Ink Internacional, na cidade de Canindé, estado de Sergipe.

Entre os dias 23 a 30 de julho de 2021 tatuadores de países como Brasil, Uruguai, Argentina, Espanha, Portugal e Japão apresentaram suas criações disputando o título.

Neste ano de 2021, por conta da pandemia, o Cangaço Tattoo Ink foi realizado online e aumentou tanto as possibilidades de participação quanto o acompanhamento do público via ferramentas como Instagram e YouTube.

O artista plástico e tatuador Itapecuruense Manoel Moura ficou em segundo lugar na categoria Cultura Nordestina e levou para casa não só o troféu, mas o reconhecimento pelo trabalho já consagrado em todos os lugares por onde passa.

A obra exclusiva que colocou Moura entre os três primeiros explora toda a representatividade do imensurável escritor nordestino já falecido Ariano Suassuna, autor da peça O Auto da Compadecida, criador dos inesquecíveis personagens Chicó e João Grilo, retratados na tattoo.

Em entrevista ao site Itapecuru Notícias Diego do Cangaço, organizador do evento, referindo-se ao Itapecuruense declarou que "o Moura se destacou devido o conhecimento dele da caminhada da tatuagem, em mostrar trabalhos com bastante técnica e representando bem a cultura nordestina", disse.

Manoel Moura é Itapecuruense radicado há mais de 20 anos na cidade de Bela Vista do Maranhão, macrorregião de Santa Inês. Sempre que pode está em Itapecuru Mirim onde moram seus familiares, todas as vezes que chega na cidade aproveita para rever os amigos e atender a pedidos de clientes com hora marcada para retocar ou criar novas tattoos.

Ele prepara uma nova exposição com pinturas em tela, após bom tempo sem produzir arte em quadros. Quem o acompanha pelas redes sociais já está na ansiedade para adquirir um de seus trabalhos.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias