Sábado, 23 de Outubro de 2021 10:28
98 98141-3481
Educação INVESTIMENTO

Município de Itapecuru será beneficiado pelo programa Trilhos da Alfabetização da VALE

Outras 24 cidades serão atendidas ao longo da estrada de ferro Carajás no MA

02/06/2021 11h16 Atualizada há 5 meses
Por: Solange Araújo Fonte: Secom Governo do MA
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O Projeto Trilhos da Alfabetização foi lançado nesta terça-feira (25), durante cerimônia virtual, como resultado de parceria entre Fundação Vale e Vale, Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Educação, Fundação Getulio Vargas e 24 prefeituras municipais ao longo da Estrada de Ferro Carajás (EFC).

Cerca de 70 mil crianças maranhenses devem ser beneficiadas pela iniciativa, que busca garantir a todas as crianças do 1º, 2º e 3º anos das redes municipais de ensino dos municípios envolvidos o direito à aprendizagem de qualidade, em permanente diálogo com a sua realidade.

Como parte da proposta, está a construção de habilidades essenciais para que crianças, professores e membros das comunidades potencializem o aprendizado e contribuam para a sustentabilidade social, econômica, cultural e ambiental dos territórios em que habitam.

O projeto vai implementar um processo de formação continuada para mais de 3.000 profissionais de educação, entre professores, gestores e técnicos, atendendo a mais de mil escolas. O governador Flávio Dino reforçou a importância da parceria público-privado pela busca do aperfeiçoamento da prática pedagógica e consequente melhoria dos índices de alfabetismo dos sistemas municipais de educação.

“O cenário de pandemia tem sido desafiador para todos os setores e, também, para a educação. Educar, pressupõe conviver. Este projeto deve ser lido com esta dimensão também, como sinal de esperança. Nós acreditamos na prática na dimensão transformadora da educação. Por isso, sempre nos unimos quando o assunto são investimentos educacionais. O nosso governo se integra a este conjunto de ações com o vigor habitual para priorizar qualidade de ensino e de vida aos maranhenses”, reforçou Dino.

O vice-presidente executivo de Relações Institucionais e de Comunicação da Vale, Luiz Eduardo Osorio, destacou o compromisso da Vale e da Fundação Vale com o avanço da educação no estado. “A Vale existe para melhorar a vida e transformar o futuro. Acreditamos que a mineração é essencial para o desenvolvimento do mundo e só servimos à sociedade ao gerar prosperidade para todos e cuidar do planeta. Esta iniciativa, que hoje celebramos, integra esse conjunto de investimentos que muito nos enche de orgulho. É uma forma de contribuir para o Pacto pela Aprendizagem, firmado pelo estado do Maranhão, e reforçar nosso compromisso com a sociedade maranhense”.

Palestra

A solenidade de lançamento contou com apresentações culturais do Maranhão e com palestra do professor Chico Soares, que abordou o tema “Avaliação da Alfabetização no Brasil e Maranhão”, com a mediação da professora Andrea Ramal. “O Brasil precisa se acostumar que a cidadania é para todos, não para poucos. O nome do projeto é sugestão de progressão neste sentido: são os trilhos que vão levar essas crianças para o conhecimento”, afirmou o palestrante Chico Soares, durante sua explanação.

Fundação Vale no Maranhão

As iniciativas da Fundação Vale visam contribuir com a redução do índice de mortalidade infantil e promover a saúde, fortalecer a alfabetização e apoiar o empreendedorismo social. No ano passado, chegaram a 2 milhões de pessoas em 52 municípios de seis estados brasileiros: Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará e Rio de Janeiro. No total, foram R$ 57,7 milhões investidos em projetos nas áreas de educação, saúde básica, inclusão produtiva e proteção social, principais eixos de atuação da entidade.

No Maranhão, foram desenvolvidas no ano passado ações em 18 municípios, alcançando aproximadamente 724 mil pessoas. Foram mais de 35,8 mil estudantes beneficiados e quase mil educadores formados. A Estação Conhecimento, localizada no município de Arari, conta com 564 inscritos nas atividades regulares.

Junto à Associação Bem Comum, Fundação Lemann e Instituto Natura, a Fundação Vale começou a apoiar, em 2020, o Parceria pela Alfabetização em Regime de Colaboração (PARC), com foco no Maranhão. Essa iniciativa contribui, em especial, para o desenvolvimento de uma política com foco na melhoria do processo de alfabetização de crianças, por meio da consolidação de um regime de colaboração entre Estado e municípios

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias